Pular para o conteúdo principal

"Só a bailarina que não tem...", carta aberta à Luana, um dia depois do seu aniversário


(Luana, num dia qualquer brincando comigo de pintura de bailarina, Brasil, janeiro, 2006)

Lu, lindona da Tia,

Ontem foi seu aniversário e a Tia Sônia se esqueceu totalmente. A Tia pensou muito em você nuns dias antes, mas ontem tinha muitas coisas para a Tia fazer que o dia acabou e a Tia não se lembrou.

Hoje a Tia ligou pra você no seu telefone algumas vezes, mas acho que você estava na escola. Agora seu pai disse que você foi no cabelereiro. A Tia Sônia quer dizer com essa carta no blog que apesar de ontem ter esquecido seu dia e não ter falado com você sobre como seria sua festa do pijama com suas amigas, a Tia te ama muuuuito. Te adora como adora as coisas mais valiosas que tem na vida.

A Tia Sônia também acha que você é a melhor sobrinha do mundo. Ah! e também a mais inteligente, porque até participa de campeonato de xadrez não é? E também uma das mais lindonas, tão linda quanto à bailarina que não tinha namorado, lembra? E também a mais atleta e esperta? Lembra seu título de natação? E ainda consegue ser a sobrinha mais artista do mundo, porque faz desenhos e pinta quadros que deixam a Tia Sônia babando...

A Tia baba tanto na Lu e a admira tanto que ainda trata a Lu como se ela fosse muito menininha...



(Luana, tirando mais uma das milhares de auto retratos que tira de si mesma, Atibaia, Brasil, janeiro, 2009)
A Tia Sônia se lembra sempre do dia que veio para a Suécia e se despediu de você no aeroporto? Lembra como a gente se matou de tanto chorar? Então, sempre que a Tia se lembra cai uma lágrima de tristeza, mas a tia Sônia também lembra de coisas super legais que a gente fazia junto e que a gente pode fazer quando são férias e a tia Sônia vai para o Brasil.

A Tia Sônia lembra do dia que você nasceu e pegou você bem miudinha nas mãos. Depois lembra também de quando você vinha passar férias na casa dela em São Paulo e lembra de você chutando ela, feito relógio, na cama, quando dormiam juntas.



(Lu lindona posando para a tia Sônia, Atibaia, Brasil, janeiro, 2009)
Mas a boa notícia é que só mais uns mesesinhos e a gente poderá fazer tudo de novo e passar alguns dias juntas e contar histórias, dançar, brincar de um monte de coisas de novo.

E a Tia Sônia quer pegar no seu cabelo bonito e levar um monte de prisilhinhas linda para você.

Lu, a tia é muito feliz na Suécia. Você sabe que aqui tem um monte de coisas legais não sabe? Mas sabe o que é mais difícil pra tia? Ficar longe de você... sim Lulu a Tia Sônia pensa tanto em você quanto você pensa nela. Ainda assim isso não quer dizer que seja algo ruim não.



(Luana, no dia do meu aniversário desse ano, mandando uma homenagem pela internet, Sumaré, Brasil, março, 2009)


A gente sente saudade porque se ama muito. Sente saudade porque toda vez que estamos juntas a gente se diverte e adora ficar uma na companhia da outra.

A Tia quer dizer também que seu aniversário é uma data especial sim! E você fez muito bem de querer fazer uma festa super legal do pijama, mas o fato de a Tia ter esquecido do seu aniver não quer dizer nada. Só quer dizer que os adultos são desligados e bobos as vezes, tá? Veja, por exemplo, que você não se esqueceu do aniversário da tia em março....

Um beijo enorme! Espero que seu cabelo fique lindão! Que você se divirta muito hoje na festa do pijamas com suas amigas que eu queria muito ajudar a organizar e participar! E que você me mande logo aquela carta que me prometeu mandar pelo correio contando tudinho, tá certo?

Agora vou precisar dormir, porque a Tia Sônia ficou gripada e tá cansada demais, mas amanhã te liga de novo!!!

Te amo lindona!

Tia Sônia.


(Luana,na noite de Natal em minha casa, usando a saia bailarina sueca que eu levei para ela de presente, São Paulo, Brasil, 2008)

Comentários

Xu disse…
Senti falta da opcão "( )lindo", na lista das "reacões" a este post.
Bom muié, mas este comentário não é pre vc... sorry!
Lu, parabéns de uma amiga da sua Tia Sonia que sabe um monte de coisas legais sobre você. Eu sou testemunha do quanto esta tia coruja te ama... e pelo visto, ela está cheia de motivos pra tal.
Achei o máximo a idéia da festa do pijama :-D Aproveite!
Beijos
Beth/Lilás disse…
Então também vou mandar recado para a linda Lu:

Lu, seguinte: Tua tia babona aí está tentando dizer o quanto você é importante para ela e esse esquecimentozinho que ela teve, não quer dizer nada, mesmo porque ela chorou pra caramba por causa disso.
No final o que ela quer dizer mesmo é que ela "love you pra chuchu",
entendeu?

Perdoa ela senão é capaz dela ficar completamente doidinha e sumir da internet e aí, como eu fico?!

Lu, linda garota, feliz aniversário e muitos aninhos de vida!

um super beijo carioca
green plant disse…
Lindo Sonia!!! Especial...
Abs,

Neusa
Lúcia Soares disse…
Oi, Sônia. Ontem tentei comentar, ia ser a primeirona, mas não entrava de jeito nenhum! Aí fico nas beiradas pra cumprimentar a Luana. Ela é linda mesmo. "Vai me sair" uma moça bonita que só, a tia vai ficar enciumadinha dos gatões que vão urubuzar...Já pensou nisso? Rsrsrsrsr
Para a sua doce bailarina, muitas felicidades e que Deus a abençoe muito e sempre!
Bj
Somnia Carvalho disse…
Xu e Beth, ja que o comentário não era para mim então não falo mais com voces! buááá

brincandeirinha: falei com a Luana que me disse que adorou os comentarios e escreveu um respondendo logo no mesmo dia, mas ela nao conseguiu enviar... ela vai pedir ajuda pros universitarios e tentar mandar de novo.

obrigada!!! eu tambem amei o parabens de voces para ela!
ela merece! ela merece! ela merece!
Somnia Carvalho disse…
Oi Neusa!

obrigada! que bom que vc se identificou com o post!

mas me conta ai mais sobre voce? e por que quando tento ler o green plant nao consigo acessar nenhum blog?
Somnia Carvalho disse…
Luciitia, obrigada!!

ela e linda mesmo ne? e e meiga, adora fantasiar e criar! sabe Lucinha que eu acho que ela PUXOU A TIA!!!hahahahah

um beijo e obrigadissima! ela adorou!

Postagens mais visitadas deste blog

"Ja, må hon leva!" Sim! Ela pode viver!

(Versão popular do parabéns a você sueco em festinha infantil tipicamente sueca) Molerada! Vocês quase não comentam, mas quando o fazem é para deixar recados chiquérrimos e inteligentes como esses aí do último post! Demais! Adorei as reflexões, saber como cada uma vive diferente suas diferentes fases! Responderei com o devido cuidado mais tarde... Tô podre e preciso ir para a cama porque Marinacota tomou vacina ontem e não dormiu nada a noite. Por ora queria deixar essa canção pela qual sou louca, uma versão do "Vie gratuliere", o parabéns a você sueco. Essa versão é bem mais popular (eu adorava cantá-la em nossas comemorações lá!) e a recebi pelo facebook de minha querida e adorável amiga Jéssica quem vive lá em Malmoeee city, minha antiga morada. Como boa canção popular sueca, esta também tem bebida no meio, porque se tem duas coisas as quais os suecos amam mais que bebida são: 1. fazer versão de música e 2. fazer versão de música colocando uma letra sobre bebida nel

Mãe qué é mãe mesmo...

(Picasso, Mãe e criança, 1921) Mãe qué é mãe mesmo... Já deu uma de cientista e foi até o quarto do bebê só para checar se ele respirava. Já despencou de sono em cima dele, feito uma galinha morta, enquanto amamentava. Já caminhou pela casa na ponta dos pés, como uma bailarina, só para não acordar o pimpolho. Mãe qué é mãe mesmo... Já perdeu a conta das mamadas e esqueceu qual o peito deveria dar. Já deu oi pro lindo rapaz que dormia ao seu lado e dormiu antes de continuar a conversa. Já adquiriu habilidades múltiplas como comer com uma mão só e fazer xixi com o bebê no colo. Mãe qué é mãe mesmo... Ama e odeia, ama e odeia. Às vezes chora e muitas vezes sorri. É ao mesmo tempo carrasca e heroína. Mãe... é uma garota crescida com uma boneca de verdade nos braços. Precisa de atenção e carinho tanto quanto seu brinquedo.

O que você vê nesta obra? "Língua com padrão suntuoso", de Adriana Varejão

("Língua com padrão suntuoso", Adriana Varejão, óleo sobre tela e alumínio, 200 x 170 x 57cm) Antes de começar este post só quero lhe pedir que não faça as buscas nos links apresentados, sobre a artista e sua obra, antes de concluir esta leitura e observar atentamente a obra. Combinado? ... Consegui, hoje, uma manhã cultural só para mim e fui visitar a 30a. Bienal de Arte de São Paulo , que estará aberta ao público até 09 de dezembro e tem entrada gratuita. Já preparei um post para falar sobre minhas impressões sobre a Bienal que, aos meus olhos, é "Poesia do cotidiano" e o publicarei na próxima semana. De quebra, passei pelo MAM (Museu de Arte Moderna), o qual fica ao lado do prédio da Bienal e da OCA (projetados por Oscar Niemeyer), passeio que apenas pela arquitetura já vale demais a pena - e tive mais uma daquelas experiências dificilmente explicáveis. Há algum tempo eu esperava para ver uma obra de Adriana Varejão ao vivo e nem imaginava que