14 junho 2012

É hoje! Final do Concurso "Uma música, mil lembranças": já votou?

("Música", Henri Matisse)

Hoje é quinta-feira dia de encerrar o segundo concurso de textos do Borboleta.

Cá estou eu para dizer a você que está passando pela primeira vez por aqui, ou para você que já é freguez, para não deixar de apreciar as histórias enviadas.

Eu não tive tempo de dizer que esses dias eu tive o enorme prazer de ouvir cantar ao vivo ano Sesc-Pompéia a Yael Naim de quem eu já havia falado aqui no blog antes. Escreverei um post só sobre isso, mas queria partilhar algo no qual pensei quando estava lá vendo aquela moça: a música tem um poder que transcende nossos esforços de traduzir em palavras o que sentimos.

A música - todo mundo sabe disso, mas eu só constatei eu mesma de novo - nos une a almas nunca antes vistas, nos coloca no mesmo barco, numa mesma sintonia. É como se em determinado momento fôssemos uma só alma em vários corpos diferentes.

É louco!

E lá no Sesc eu pensei ainda neste singelo e lindo concurso. Juro que me senti tão orgulhosa disso! De ter recebido estes textos de vocês, estas histórias, de agora cantarolar estas músicas e me lembrar de vocês!

Do fundo do coração: obrigada!

E amanhã cedinho anuncio a vencedora! A votação se encerra hoje as 23:59.
Para votar é só clicar do lado direito do blog e não é demais lembrar que os textos candidatos são os seguintes:

Beth Lilás: "Já sei namorar"

Daniela Barbagli: "Até mais ver"
Ingrid K. Lima: "Escorrendo pelos dedos"

Irene Cechetti : "Os verdes campos de minha infância"
Maria Helena Freitas: "The Story"
Nina Sena: "A história de amor entre Pingo e Laura"

Ricardo Perez: "Que sorte a nossa, hein?"

Beijos e hasta la vista Baby!


Nenhum comentário: