16 abril 2010

Vulcão na Islândia e caos em todo norte da Europa

(As lavas do Vulcão que explodiu ontem na pequena Islândia)

Se não provocasse tanto caos e oferecesse perigo, ver um vulcão em erupção estaria entre os grandes efeitos da Natureza maravilhosos de se ver. Na verdade está para muitos turistas que se dirigem para regiões vulcânicas a fim de ver os efeitos destes.

Ontem, um enorme vulcão, na pequena ilha chamada Islândia (terra Natal da amiga Karen) entrou em erupção e paralizou as atividades de dezenas dos mais importantes aeroportos da Europa. Centenas de milhares de pessoas tiveram seus vôos cancelados e os trens não foram suficientes para dar conta de quem queria voltar para casa.


(Islândia: a pequena Ilha cravada sobre dezenas de vulcões e o norte da Europa, afetado pela fumaça negra)

Nosso amigo Gustavo, marido da frequente leitora e comentadora Xu, que voltava à Suécia ontem de um vôo da China, aterrisou na Polônia porque o aeroporto Kastrup, em Copenhaguem, fechou as portas, sem condição de adminstrar vôo nenhum.

O mesmo ocorreu na França, Portugal, Alemanha, Inglaterra, toda a Escandinávia, Irlanda e dezenas de outros países. Para se ter uma idéia da situação de paralisação, a Inglaterra, fechou todos os aeroportos pela primeira vez na sua história.


(Milhares de pessoas presas em aeroportos do mundo todo, aqui na capital da Irlanda)

O perigo do vulcão, nesse caso, ao contrário do que rapidamente vem à nossa mente, não são as lavas, já que é possível evacuar as regiões de risco a tempo, mas as cinzas que a erupção provoca. Elas podem ser jogadas na atmosfera até uma distância muito grande pelo tempo que demorar a erupção, atingindo aeronaves e afetando seu sistema de vôo de forma até mesmo a derrubar um avião. O que se verifica no texto abaixo (íntegra aqui) que incluí no post após comentário da amiga Camila que vive na Noruega) e não como deduzi, após ter visto um jornal em sueco ontem a noite e entendido mal a língua que a visibilidade fosse um grande problema.


"Segundo estudos os especialistas dizem que essa fumaça cinza é capaz de quebrar as janelas e balançar as estruturas de um avião e até mesmo parar as turbinas causando assim um acidente, o especialista em vulcões da BBC David Rothery disse que se pequenas partículas de um vulcão forem parar dentro das turbinas do avião podem se acumular e derreter partes do motor causado a parada de tal, o que provocaria um acidente."


(A nuvem gigante de fumaça negra e as cinzas lançadas ao ar pelo vulcão)

O cancelamento de vôos por dezenas de países é quase um efeito em cadeia só visto antes pela tragédia do 11 de setembro.

Não se sabe ainda quando o caos provocado pelas cinzas lançadas na atmosfera pelo vulcão da Islândia poderá ser resolvido, já que a última vez que este vulcão entrou em erupção foi há centenas de anos atrás, quando trens, carros e sobretudo espaçonaves estavam longe de ser uma realidade na Terra.

Mais alguns dias de cinzas na atmosfera e caos na terra? Não se sabe ainda, afirma um especialista da Universidade Upsala. Talvez algumas semanas, talvez meses. Tudo dependerá do que está ocorrendo dentro daquele enorme vulcão (como é possível conferir neste excelente vídeo da CBC do Canadá)


(Aeroportos fechados e vôos cancelados em inúmeros países até que a névoa passe)

Essa resposta com certeza não consegue dar conforto a quem tem parentes viajando ou está preso nos aeroportos, longe de casa, sem estadia ou comida paga pelas companhias aéreas, mas o caos provocado pelo vulcão na pequena Islândia não parece estar ao alcance de cientistas e companhias aéreas. O risco de choque é grande e a única coisa a se fazer é aguardar.

Apesar desses problemas causados, os cientistas garantes que as cinzas do vulcão da Islândia não oferecem risco à saúde das pessoas em solo. Elas se espalharão pelo ar e provavelmente não chegarão a causar outros problemas, inclusive dificilmente serão vistas por nós.

O melhor que se tem a fazer agora é aguardar. Sem pânico, já que o caos tem sido gerado exatamente na tentativa de se evitar tragédias. Até agora, fora os ânimos, o restante está sob controle. Estou na torcida para que a amiga Flávia e quem mais de vocês que tenha gente próxima presa em aeroportos por aí tenham logo os seus em casa...

De resto, até onde vimos em reportagens aqui, não há perigo para ninguém.

...

Você tem alguém que foi afetado por essa situação?
Ou está preso em algum aeroporto?

Partilhe com a gente sua história...

15 comentários:

Camila Hareide disse...

Sonildes, só um adendozinho... As cinzas na verdade paralisam os motores dos aviões, que caem imediatamente. Por isso ninguém tem permitido nenhum avião de deixar o solo. Não tem a ver com visibilidade não - aviões estão programados pra voar sem visibilidade...

Aqui em Bodø o céu estava azulzinho de manhã, agora voltou a nublar, chover e cair aquele maldito mini-granizo. MAs o aeroporto está fechado desde ante-ontem e a triuplação da Norwegian que fica no hotel tomou todas e mais umas ontem à noite... Morri de rir!

A viagem está definitivamente marcada pra última semana de maio, portanto se for fazer a vernissage, não desmarque por minha causa!

beijo

Xu disse...

Hmmm, o Gus virou notícia!
Pois é, meu amado marido teve que pousar em Varsóvia ontem à noite, ao invés da vizinha Copenhague. Por enquanto, no news. Os sites (tanto da SAS qto de CPH) não tem nada de novo a contar.
Já fui informada de 4 grupos de colegas da SEMC em diferentes situacões:
1) 3 pessoas voltando de Brno (Rep. Tcheca), tiveram q pousar em Hamburgo, e no momento não tem nada de trem disponível pra trazê-los de volta à Suécia
2) 1 cara em Vienna q tentou alugar carro e vir dirigindo mesmo... mas não tem carro pra alugar
3) 1 garota q deveria sair de Beijing hj... mas vai ficar por lá "until further notice"
4) outra garota q tá presa em Roma... mas esta está de férias... nada mal TER QUE extender as férias em Roma ;-)

Por enquanto é isso... no aguardo de notícias do meu Gus :-)

beijos

Somnia Carvalho disse...

Ca,

obrigadissima pelo "adendozinho"... li um montao de jornal hoje e vi um noticiario hoje, mas minha escassa informacao no assunto me fez deduzir um pouco do que tinha visto no jornal de ontem em sueco...

valeu pela otima informacao!

alem de arrumar no texto preciso voltar a ativa com meu sueco...

Somnia Carvalho disse...

Molé,

to na torcida pra que gus chegue de carro, trem, aviao o que for assim que der...

imagino que ele queira chegar logo em casa, nao depois de15 dias na China?

a nao ser que ele possa aproveitar um pouco pra conhecer varsovia que eu sempre tive vontade de ver...

Gustavo Marangoni disse...

Yoooooo!!!!! Sim, estoy ainda em varsóvia.... vou aproveitar p/ explorar um pouco o lado vermelho da antiga cortina de ferro hoje....
Alguns alugaram carros ontem a noite e dirigiram a noite inteira... estão chegando em ksa após 17hrs de viagem. Achei um pouco insana a idéia.... hj veio um ônibus que acabou de sair e a previsão é que demore 22hrs p/ chegar em kastrup (para em berlim e outras cidades). Tbém achei muito chato (até o Angelo ia ficar sacudo de tanto busss... rsrsrs) e resolvi arriscar e ficar, na esperanca que amanhã tudo se normalize.... vamos ver.
Pelo menos estou na polônia e consigo acessar blogs, facebook, youtube, etc. dpois de 2 semanas isolado na miojolândia...ahuahauhauhau
Bjos

Érica disse...

Eu não tenho ninguém que tenha sido atingido. Tem o marido da amiga da vizinha da prima da sogra da cunhada.... Brincadeira. O marido de uma pessoa que eu mantenho contato por conta de scrapbooking está para ficar doido porque os trens estão cheios na Noruega estão comprometidas. Eles moram lá e a única maneira dele chegar em casa é pegando um ônibus, e assim a viagem demora 10 horas. E avião, claro foi cancelado. Como ele trabalha longe de casa, só vai poder passar o Sábado com a família.

Somnia Carvalho disse...

Senhor Gus,

Tack så mycket por este super update de quem não se abala com vulcõezinhos estourando por aí...

sorte da molé ter um companheiro que não sai se metendo em loucura pela estrada...

com certeza nem o ângilu ia aguentar tanto buss... melhor voce ficar por ai e ter certeza se vai ter que ser no esquema horas na estrada mesmo ou nao!

aproveite a polonia (nao as polonesas) por nos!

Érica disse...

Aqui a discussão sobre o vulcão e quando, se, o marido da mulher vai chegar em casa. http://bit.ly/c7gez6 É tragicômico, porque cada hora uma fala uma coisa e a mulher já está quase feliz que o marido não vai para casa.

Barbie Girl disse...

Minha querida!

Estou apovarada com tantos caos e revoltas da natureza!

Para iluminar:
"Sou grata a Deus por não dizer o que nos acontecerá no futuro.
As vezes seria pesado demais.
Mas saber que o próprio Deus tem em suas mãos, o passado, o presente e o futuro, deveria tranquilizar nossa mente."

beijos e bom fim de semana!

Luciana Håland disse...

Não conheco ninguém ou não estou sabendo que ficou sem poder levantar voo de ontem pra hoje, mas melhor aeroportos fechados do que aviões caindo, quem não chegou ao destino hoje ou vai ter que esperar mais um ou dois dias, como tão prevendo, pode esperar, é entendido.
Menina, aqui eu senti uma sujeirinha maior, digo poeira, meu nariz faro fino já reclamou, a mesinha do jardim, que é de vidro, ficou meio podrinha de ontem pra hoje, acho que choveu umas melecas, talvez do vulcäo ou é a poeira daqui mesmo que tá grande. Ontem tive que aspirar a casa a noite, tinha mais poeira que o normal. Outras pessoas andaram reclamando por aqui, marido disse que já avisaram que ia piorar, a sujeira.
Mas vamos que vamos. Vou divulgar essa informacão que você postou sobre os perigos pros aviões, pois as pessoas acham que é por causa de visibilidade.

Beijo

nes disse...

esse vulcão causou um enorme transtorno no meu trabalho nos últimos dias. a associação onde trabalho estava a receber cá para reuniões estratégicas os dirigentes das associações congéneres europeias, desde os países de leste aos nórdicos, e desde que começaram a cancelar voos até fechar espaços aéreos foi o caos, quase não se concentraram nos assuntos em discussão, e para além de ter de coordenar toda a logística normal de um evento tão grande, ainda estive a correr com agências de viagens para tentar todas as alternativas. o pior é que em Portugal nem temos TGV, por isso viajar de comboio fora do país é quase suicídio, só até Paris demorariam quase 2 dias a chegar lol. por sorte consegui prolongar o alojamento para todos os que não se aventuraram a ir para a 1ª cidade que conseguiram, e espero que não pensem em me ligar a pedir ajuda novamente (lol).

por acaso o que mais gostei desta reunião foi ver pessoas com o mesmo cargo nos diversos países serem tão diferentes devido às diferentes culturas. adorei também ouvir o sueco a falar, mesmo que inglês com o sotaque que tão bem conheço :))

Barbie Girl disse...

Somnia querida!

Fiquei muito feliz com sua doce visita!

Boa semana e muitos beijos para ti e para seus filhotes!

Barbie Girl disse...

Ahhh bom saber que tenho 24 com cara de 15!
rs

E minha família é minha base, meus amores, minhas maiores alegrias, como não valorizar as pessoas que me ajudam a ser quem sou?!

beijos

Lu Souza disse...

Oi Somnia,
Tive que cancelar vôos de alguns passageiros com destino a Alemanha e Paris principalmente. Há outros que viajrão o final do mes e no momento estamos aguardando..não há muito o que ser feito.
As empresas querem saber o que fazer, mas a agencia (neste caso, eu), nao tem uma solução. Como você fala no post, nao tem como saber quanto tempo isso vai durar. É tudo muito novo e foge a controle de cientistas e geólogos. Torcer para qu não demore muito!
Beijos

Isolino Coimbra disse...

Soninha, eu sou o peregrino escritore viajante das jornadas siga www.icopere.com. Você me dá licença para escrever um pouquinho...assuntos sobre o vulcão. Veja esta página de meu livro, lançamento n°21 "OS MENINOS DOS MISTÉRIOS" com 156 páginas.

...A luz que iluminava o ambiente era âmbar, contudo eu via tudo com uma clareza tão expressiva que me encantei só de observar. Havia alguns quadros numa das paredes, que pareciam ter vida. Num deles retratava um VULCÃO. Ainda pegado à minha mão a notável criança me conduziu em direção àquele misterioso quadro que ao aproximarmo-nos começou a tomar uma forma gigante, passando de um simples retrato a uma misteriosa realidade, conduzindo-me sempre, entramos nas dependências daquele quadro. Acompanhando-o levou-me à boca do vulcão. Sem me opor, me deixei ser levado pelo menino, que num salto abismal descemos no precipício que parecia infinito, chegando num espaço onde havia luz, porém obscurecida por uma névoa. Lá ele disse-me:
-Luzirmil sente-se naquela cadeira – apontou-me uma espécie de trono – e veja na tela do além, as assombrosas aparições as quais deverás atenciosamente observar, para teres sempre em lembrança, pois entre outros, fostes escolhido para ser chamado “O menino dos Mistérios”. Deverás conhecer muitos deles, sejam embaixo e em cima da face da terra.
A seguir vi, como numa tela de cinema, as mais bisonhas cenas. Surgiram animais pré-históricos, homens e pássaros que eu jamais vira, nem mesmo em minhas imaginações. Vi coisas contemporâneas; guerras, sangue, morte e explosões; labaredas de fogo surgindo do nada. Mas o que mais me impressionava, eram os sons que pareciam estar dentro de minha cabeça, formando uma espécie de gravação cerebral a tal ponto que, não
58

suportando, gritei: Socorra-me, ó menino de meu aspecto!
Eu porém não o via, nem perto, nem longe; contudo os aluviões, os temporais, os relâmpagos e até o que me parecia ser explosões atômicas, já que surgiam imensos cogumelos de fumaça acima daquelas medonhas visões, eram uma constante.
Eu já tivera pesadelos, porém aqueles momentos de visões estavam acima de qualquer aflição. Os sons pareciam estar presentes em fones colados aos meus tímpanos. Além das bizarras cenas, havia uma espécie de espantalho do qual eu não conseguia fugir, pois nem podia me mexer no trono onde me sentava. Eu queria fugir dali - mais por causa dos sons - que eram tão impressionantes a ponto de até hoje ecoarem em minha cabeça! Quando me considerava quase louco, vi sair daquela misteriosa tela, meu acompanhante que dando-me a mão, num vôo ascendente levou-me para fora do tenebroso vulcão, conduzindo-me ao misterioso salão, que em meus sentidos, se encontrava no oco da grossa árvore.
Pude ver na parede, outro quadro contendo muitas estrelas. Ao aproximarmo-nos houve a mesma transmutação. Percebi que surgiu o Universo, por entre o qual, meu sósia, ainda pegado à minha mão conduziu-me num vôo inter-estelar...

Pode deletar, entretanto desejo continuar participando de seu blog. Peço perdão, sigam http://twitter.com/luzirmil