23 outubro 2009

Do lixo ao luxo, parte 1: o que você faria com...

(Aristodemo: meu móvel feinho pego no lixo de casa, mas que eu sabia me teria alguma utilidade )

O que você faria se encontrasse no lixo para reciclados de seu prédio um móvel como esse da foto acima?

(A) Nem notaria, já que o móvel é feio de doer.
(B) Colocaria o seu lixo em cima dele, porque óbvio ele foi jogado porque não presta mais mesmo.
(C) Pensaria em pegar e dar para alguém para que ele não fosse demolido no lixão.
(D) Pegaria para você mesma, porque você gosta de madeira em tom claro.
(E) Pegaria com certeza, porque ele lhe mostraria um super potencial para ser renovado.

Bom, você pode me contar o que faria, ou não faria, com o móvel acima na situação descrita logo aí nos comentários. Por enquanto vou dizendo que eu sou o tipo que não consegue pensar duas vezes quando vê lixo mais ou menos novo e legal na lata. Eu pego mesmo.

Eu peguei o feinho, ou se preferir o lindinho, daí de cima e trouxe-o para casa. Foi numa de minhas visitas frequentes ao lixo do prédio que começaram logo depois que me apaixonei pelas minhas tulipinhas de madeira abandonadas por lá. Acontece que o prédio novo tem um baita potencial de lixo e eu vou como se fosse a uma loja para ver se acho novidade. A maior parte das vezes preciso deixar lá o que vejo, já que precisaria de umas dez casas para acolher tudo, mas tem vezes que não aguento...

Essa paixão pelo lixo que mostrou-se luxo é antiga. Lembro de que em uma das vezes que peguei lixo na rua, minha amiga Eloísa, que também era minha professora de pintura e ainda pior por lixo do que eu, me ajudou a carregar uma mesinha por 5 quadras até minha cozinha nova. Pintei a mesa toda no mesmo dia de branquinho e a pus na cozinha com um vaso de flor. E foi aí que o marido achou que eu havia comprado uma mesa nova naquele dia.

Todavia se a loucura é antiga ela tem se potencializado ainda mais aqui nesse novo lugar para onde me mudei e isso será tema de um próximo post.

Agora venho para dividir o que fiz com algumas das peças que encontrei no meu lixo luxuoso. Aqui temos uma ala especial para o lixo grande que pode ser reciclado ou onde colocamos coisas que não sabemos como separar nos outros lixos do prédio. O pessoal coloca móveis, eletrônicos, livros, decoração etc para que o caminhão passe e pegue durante a semana. O problema é que tudo isso vai para um lixão central e não necessariamente o material passara por reciclagem.

Primeiro veio então o cerejerinha feinho, depois veio o lustre. Lá misturado a outras coisas o lustre que havia enfeitado a casa de alguém por aqui não parecia nem um pouco ilustre mais. Suas peças estavam perdidas num latão e fui pegando e juntando novamente. O material é vidro e o mesmo lustre novo, que é de uma loja chique de design daqui custa mais ou menos 1.500 reais. Depois de montado e lavado, comprei as lâmpadas.

(Lustre de vidro encontrado no meu lixo no mês passado que eu não pude deixar ser triturado)

Foi a partir dele e do espelho oval que também fora jogado no mesmo dia que pensei em recuperar o móvel feinho que havia pego há meses atrás e estava meio largado num canto aqui.

Criei com decoupagem a cara que vocês vêem aqui embaixo e que, espero, vocês achem melhorzinha do que a cara maior sem graça que estava ali em cima.

Gosto é questão pessoal, como bem afirma minha amiga virtual Lucitia, então, não precisa amar a minha transformação, mas convenhamos que dá para fazer do móvel sem personalidade algo bem cheio de...


(Orgulho da mãe: roupagem nova e ares novos na casa, pena que a foto seja tão ruim...)

Talvez você odeie rosa e não goste do estilo que crie. A idéia, entretanto, é pensar a renovação e a transformação do velho. Daria para ter feito algo total diferente, por exemplo, se eu tivesse feito com tons de azul claro e azul marinho... feito uns listrados com quadrados. Entende?

Fiz decoupagem no móvel, dando esse ar meio romântico, de senhora cuidadosa, como eu imagino que fora um dia a senhora que dele cuidou, e que combinavam com as peças de vidro achadas depois, o lustre e o espelho.

Fiz tudo numa manhã de sábado aqui em casa. Ângelo ainda me ajudou a esparramar a cola e toda vez que passa no corredor diz que foi seu "tabalhu".

Juro que amei tanto o resultado que fiquei olhando pro móvel um dia inteiro. Tirei fotos e mostrei para meus amigos. Fiquei tom orgulhosa de mim e da renovação.

Ele tá novinho. tem gavetas onde guardei minhas coisas femininas de higiene. Como minha casa tem o estilo modernoso coloquei essa decoração num corredor quadradinho, onde não destoa do resto dos móveis e ajudou a dar um toque clássico e aconchegante no corredor frio que ia pro meu quarto.

(De cara nova: com a decoupagem e outra vida)

Fiquei ainda mais feliz quando vi uma reportagem de um casal holandês que saiu numa reportagem de uma revista do IKEA daqui na mesma semana que eu havia feito as transformações. Eles são o que se chama casal do futuro. Consomem com responsabilidade e tentam renovar tudo o que podem. Ela adora garimpar em lojas de segunda mão e tem um ateliê em casa. Ele, jornalista, também trabalha em casa e é membro do partido verde da Holanda. Ambos têm paixão pelo que tem história e por atitudes que preservem natureza.

Sei que no Brasil tem muita gente que já faz o mesmo e gente de muito gabarito, como Joãozinho 30 que lembro de admirar ainda adolescente. Eu ainda preciso aprender a consumir muitas outras coisas com maior responsabilidade, mas essa paixão por objetos com história eu tenho ha tempos mesmo.

Foi uma pecinha só, embora eu já fosse "catadora de lixo" aí no Brasil também e frequentadora de brechós e loja de segunda mão para comprar objetos de decoração.. Agora, entretanto, com o lixo que alguns de meus vizinhos malucos põe ali no saguão debaixo eu estou virando profissional. E a verdade é que tenho adorado a idéia. É como se eu mesma tivesse criado o móvel. É uma sensação melhor do que a de só comprá-lo numa loja... Cê tá me compreendendo? E ainda fica com a cara da gente, tem uma identificação enorme com o nosso estilo sem contar mesmo essa idéia de que sei que seria mais um lixo acumulado no planeta.


(Detalhe do móvel pronto e a amiga Liana no espelho)

Por hoje vai esse. Se você preferiria manter o móvel como estava já vale a idéia de tê-lo pego para você ou para alguém que precisasse. E, como eu disse, ainda que você não goste dos tons e tal, se você for dos que adoram transformar e criar a receitinha é a seguinte:

1. Compre papel de presente sem ser laminado, brilhoso por fora. Melhor que seja mais áspero.
Escolha duas ou três estampas diferentes, todas elas casando os tons. Não precisa ser o mesmo desenho. Escolha, por exemplo, um de listras e outro de bolinha. Um de flor e outro de listras...

2. Junte o material: papel de presente, alguns decalques, cola de bastão, tesoura, estilete e verniz especial para decoupage.

3. Comece limpando a superfície do móvel a ser renovado e espalhe a cola do bastão por partes.

4. Cole imediatamente o papel nas partes onde deseja fixar aquela cor. Veja que eu usei estampa diferente nas gavetas para variar com o restante. Vá colando por partes para que a cola não seque.

5. Aperte a mão e alise a superfície para que não fiquem bolas ou dobraduras. Recorte algum canto que sobrou com estilete e cole todos os cantinhos para não ficar nada saltado.

6. Faça isso até forrar todo o móvel.

7. Cole por cima do papel de presente alguns decalques assimetricamente, se gostar deles.

8. Passe uma demão do verniz em cima do papel. Ele vai penetrar e ficar transparente. Deixe secar. Passe outra demão e está pronto.

Se alguém se arriscar aí a fazer o mesmo me mande a foto. Vou adorar publicá-la aqui no blog. E se quiser sugetão de cores também é só dizer. Eu adoro dar pitaco na decoração alheia.

Agora um beijo, um queijo e boa noite que eu preciso tomar banho e passar uns cremes que estão ali na minha coiffeuse... :)

(Detalhe do móvel com a decoupagem: selos com rosas e escritos de "feito a mao")

40 comentários:

Jo Ann v. disse...

Em França é tradição. Normalmente, móveis e coisas grandes (encombrants) são apanhados uma vez por semana à X hora. Quando não se quer sofá, fogão, etc, e põe-se tudo no passeio. Antes do camião passar, a vizinhaça pode pegar o que quiser e levar. O resto, o camião leva para um centro onde se necessário reparam (electrodomésticos) e põem à venda a preços baixos para os que não têm grande poder de compra...
Tou pensando deixar um sofá por lá, mais fácil que encontrar alguém que compre e ainda ter que enviar o dito cujo.

Arthur332211 disse...

gostei do espelho não...
e parece mentira, num parece o mesmo movel não
quanto as opções, seria A ou B... sou preguiçoso pra burro!!!
e também tenho uma certa falta de criatividade...

mas legal isso ae, continue fazendo coisas legais assim, deve ser bem divertido e gratificante...

Lúcia Soares disse...

Menina, nota 10! Adorei! Não sei se pegaria no lixo, mas que acho super válido e admiro quem o faz, acho. Sou sem criatividade,ou talvez seja mesmo é preguiçosa, sem "vocação" pra essas coisas. Mas acho tudo lindo. Pitacando onde você não pediu: acho que não teria colocado os "decalques". E teria colocado outros puxadores, mais coloridos,mais "tchans", sabe como?
Agora, o lustre está lindo demais. Inacreditável que tenha sido jogado fora.
Veja bem: não entendo nada, mas continuando: o espelho "merece" uma cor mais forte (vermelho?) na moldura, ou não? Ficaria muito "pesado" o seu espaço aí?
Meu marido adora mexer com madeira, já fêz curso de pintura em tecido, decoupage, texturas...é quase um artista, mas não se dedica. Tem uma oficina em casa, quase de profissional. (E o que tem isso a ver com seu post? rssrsr) Bj

Lúcia Soares disse...

Ah, me esqueci: Aristodemo é lindim demais, você foi muito boazinha pra ele lhe dando um novo lar.

piscari disse...

Gostei demais de sua criatividade.
Até aqui em Sorocaba, próxima a Campinas, interiorzão do estado de São Paulo, a gente faz isso.
Mais por necessidade do que por criatividade.
Interessantíssimo a gente conhecer coisas da Suécia. E olha que estiveram por aí políticos do Brasil que poderiam aproveitar a oportunidade e trazer coisas positivas dos nórdicos para cá. Mas aqui com essa mentalidade da Lei de Gérson, fica difícil.
Cada um com sua cruz.
Felicidades. Torcemos por vc e sua família. Deus os abençoe.

Dona Flor disse...

Muuuito legal!! Parabéns pela sua criatividade!!
Beijos

Beth/Lilás disse...

Dona Brabuleta,
Claro que minha opção seria a E como você!
Pena que o lixo daqui não tem desses luxos, senão eu faria plantão em frente dele, pois sou como tu, adoro pintar, transformar e fazer coisas com minhas próprias mãos e idéias.
Que lustre lindo esse!
E o móvel ficou muito fofo, a tua cara, diga-se de passagem!
Aliás, vc acabou me dando uma boa idéia para transformar alguns móveis da minha casa de Petrópolis!
beijos cariocas

Jana disse...

Vc e' demais mesmo viu! Adorooo!

lola aronovich disse...

Que lindo que ficou, Somnia! Quisera eu ter esse talento pra coisas manuais... Sério, não sei se consigo colar um papel num móvel sem ficar tudo enrugado.
E sobre as galochas, apesar de achá-las umas gracinhas e muito úteis, não acho que gostaria de tê-las aqui no Brasil. Em Detroit era uma coisa, né? Um metro de neve pra pisar em cima. Aqui no Brasil seria só pra chuva, né?
E tem mais: infelizmente, acho que não posso usar botas. Pelo menos das que provei nos EUA, nenhuma ficou boa. É que tenho batata da perna de jogador de futebol. Meu pé é pequeno (36), o tornozelo é normal, mas a batata é enorme. A bota só entra até um certo ponto, sabe? Abração!

Daniela disse...

Adorei, acho que ficou lindíssima. Não conhecia esse seu talento. Aprender a reformar móveis é uma das minhas 101 coisas em 1001 dias! Acho um trabalho maravilhoso!

Beijos

Camila Hareide disse...

Pra você, Rainha da Sucata! É isso aí, você apenas contribui (mesmo que fazendo o seu pouquinho) pra um futuro e um planeta melhor pro Angelo... As pessoas podiam parar com esse consumismo exacerbado! Ficou genial!

Quero umas aulas de DIY com ocê, no dia que eu for te visitar naí nas Suécias :P

http://www.verbeat.org/blogs/facaasuaparte/

Lívia disse...

Somnia, seu post me deu uma grande luz para eu tentar recuperar minha mesa do computador que está suuuuper acabada e eu estava pensando em jogá-la fora. Seria ótimo (e pro meu ego tb) se eu conseguir fazer o mesmo!!! Amei! Vc fez milagres com o móvel!
Vou tentar fazer algo com a mesa do computador ok. Nunca fiz nada parecido... vamos ver o que vai dar! Hahahaha.

Lívia disse...

Ah, vc sabe se posso fazer isso num móvel de mogno? Obrigada! Forte abraço!

novavidanovelhomundo disse...

Eu! Eu! Alternativa E!!! rsrs
Adoro trabalos manuais e por isso eu e minha irma fizemos um tempo atràs aulas de pintura em madeira. Pintamos uns banquinho na casa da minha mae, caixas...tudo o que aparecia em madeira na nossa frente!
Aqui eu tambèm vejo coisas que me dao uma vontade de pegar, mas o apto é pequeno e eu nao tenho nadinha de tintas comigo.
Jà no Brasil é dificil ver mòveis em bom estado jogados fora... talvez por isso o brasileiro tenha aversao a "lixo", mesmo que nao seja tao lixo assim, como aqui na Suécia!
Mòvel reformado/modificado pra mim tem muito mais valor e dà muitìssimo mais satisfaçao do que um novinho, em que tudo o que fiz foi passar o cartao na maquininha.
Beijos e bom domingao!!

Luciana Håland disse...

Eu pegaria do lixo também e depois decidiria o que fazer, se reformar ou somente deixar do jeito que tava, pra mim já tava ótimo. Isso de reaproveitar, reciclar,... é tudo de bom, eu também garimbo em lojas de usados, já que lixo aqui nunca vi, como também o que não uso mais dou para as lojas do exército da salvacão. Falar na tal loja, o que eu acho um absurdo aqui é que eles botam um preco meio alto nas coisas, e depois não vendem e ficam se negando a receber mais doacões, e essas doacões acabam indo pro lixo. Outro dia uma menina disse que foi lá deixar uma mesa, mas eles não aceitaram por ter em excesso, daí ela quebrou a mesa toda pra colocar no lixo, já que não podia colocar a mesa inteira no lixo. Algumas roupas lá são mais caras do que comprar novas nas lojas, e por isso encalham, e muita gente por não poder doar jogam no lixo, isso eu não entendo.
Parabéns pela sua atitude.
Adorei a cara nova do móvel, amei o espelho e o lustre lindo demais.

Beijo

Xu disse...

Eu já disse pessoalmente, qdo vi o tal móvel, que ficou show! Confesso que nem achava ele tão feioso assim... mas vc deu um upgrade daqueles. E olha que eu nem sou fã de cor-de-rosa (rs).
Pelo que eu tô vendo, vai rolar "do lixo ao luxo, parte 2 3 4 etc", né? E merece! Cada coisa espetacular que vc garimpou neste seu lixo de luxo... merece lugar de destaque no borboleta.

Agora, eu tenho uma amiga... que vc não conhece (rs)... que ficou de transformar uma cadeira velha que comprei num "second hand" e até agora, nada. Deve ser pq não foi achada no lixo (rsrsrsrs). Mas assim q a tal cadeira ficar pronta, te mando 1 foto pra vc colocar no babuléts. Acho q vc vai adorar :-P

Agora sem zueira... muié, vc tá de parabéns! Sou fã de carteirinha dos seus garimpos :-D

Beijos

Dri disse...

O Aristodemo ficou tão lindo, que agora ele merece um nome mais bonito!!!! Parabéns!!!

Bjs

Marilena disse...

Tem coisas que dá muita dó de deixar ir pro lixo. Aqui em Toronto, nós colocamos o que não queremos mais na calçada e a cada 15 dias passa um caminhão recolhendo. O que é triste é que o caminhão é parecido com aqueles caminhões de lixo de São Paulo: destroem o móvel completamente. Uma pena!
Eu pegaria também e se não fizesse uma decoupage (ainda não tinha tido a aulinha), pelo menos pintaria, rs.
Outra coisa legal que tem por aqui (não sei se tem na Suécia) são os garage sales: sempre tem algum por aqui e com muitas coisas legais e praticamente de graça. Acho que o pessoal fica com pena de ver o caminhao destruindo tudo e oferece a preços infimos para os vizinhos. Já comprei um monte de brinquedos novinhos por 1 ou 2 dolares.
Parabens pelo trabalho; ficou lindo!!! Combinaria muito bem com o quarto das minhas meninas.

Catiana disse...

Nossa, ficou lindo...adorei o rosa!Eu acho q no inicio ficaria meio sem jeito,mas eu acho q pegaria tb.
Só nao teria a mesma criatividade...Vou até tentar fazer algo assim na minha casa.

bjs

Somnia Carvalho disse...

Jo Ann,

isso de por na rua e legal ne?
as vezes me sinto meio sem graça de ficar la no lixo pegando as coisas... haha... se fosse assim consenso de todo mundo por no mesmo dia seria bem mais facil... e eu tambem poderia dar coisas que gosto mas nao preciso mais.

Somnia Carvalho disse...

Arthurzinho,

o espelho nao e la essas coisas mesmo... mas ele combinou bem com o lustre e o conjunto ficou legal quando visto de longe... nao tenho foto do conjunto todo.

Somnia Carvalho disse...

Lucinha,

que bom que gostou!

mas ce sabe que nem de galochas amarelas de florzinha e nem o movel com adesivos iria, entao ja viu que nos duas nesse quesito ai de decoracao e cores somos opostas! eu adoro exageros, muitas cores, muito tudo, ainda que eu ache que precise de gosto para saber te-los... e voce gosta de coisas mais sobrias nao e?

então seu maridom tambem gosta disso? ai que legal! fala pra ele me mandar alguma coisa que fez adoraria ver...

e obrigada pelas suas sugestoes... os adesivos eu amo! mas os puchadores eu concordo, queria mais tchans, mas eu precisava acabar e eles sao de dois furos nao achei em nenhum lugar um rapido para acabar o movel... e se eu nao fizesse assim eles seriam procrastinados ate o proximo verao.. .rs

Somnia Carvalho disse...

Hej Piscari seja bem vinda! ou bem vindo!

Que legal que em Sorocaba voce tambem pode achar isso! eu entendo que a necessidade ajude tambem, aqui tem mais a ver com uma escolha mesmo... tem gente que precisa claro... mas muitos lugares saem mais caros que o restante...

Somnia Carvalho disse...

obrigada flor! adoro fazer essas coisas e por mim teria um lugar onde eu acordaria de manha e ja faria isso o dia todo...
um dia ainda faco isso!

Somnia Carvalho disse...

Lilazona,

transforma e me mostra!!! mas fazzzzzzz mesmo que fiquei louca pra ver o que vc tem!

Somnia Carvalho disse...

Janinha, voce tombem e logo podemos pegar lixo juntas! hehe

Somnia Carvalho disse...

Lola batatuda rs...

entao nao vou mandar galochas pra voce okey??? rs...

haha... eu acho que todo mundo tem algum dom de criar e fazer coisas manuais... tipo tem gente que nao consegue pintar, mas costura.. entende? eu nao sei pregar um botao... prego, mas sai horrivelll! odeio inclusive!

mas amo fazer colagem, pintura etc etc... e vendo sua casinha fofa la apesar de ter sido o marido o fazedor dsa mesas (parabens a ele sao lindas) vc tem um lugar aconchegante e pessoal... isso ja e ter dom pra algo manual e decorativo nao e?

Somnia Carvalho disse...

Dani, tenta ai alguma coisa aposto que vc vai se surpreender!

entao eu sou muuui talentosa querida! talento para dar e vender! hahaa

Somnia Carvalho disse...

Ca,

o arthur tinha passado o mesmo link, legal ne?

sim... penso tambem no angelo, penso no futuro e penso tambem que e o minimo dos minimos que posso fazer...

e voce que talento tem amoreca alem de cozinhar delicias?

Somnia Carvalho disse...

Livia,

recupera recupera e me manda a fota!!!

ah e tambem se e mesa de madeira da para ser patina, caso vc nao ache que a decoupagem caia bem... embora agora eu seja mais fa da decoupagem...

beijos

Somnia Carvalho disse...

ah Livia so agora vi seu outro comentario...

sim pode fazer num mogno... mas a ideia e vc escolher um papel que nao seja muito liso na superficie que tem o desenho, sabe? o que conta e mais isso...

use a cola bastao grossa que vai colar direitinho.. cubra totalmente a superficie do movel com a cola para por o papel.. parte por parte.. tipo a lateral direita primeiro... ta ta ta... boa sorte!

Somnia Carvalho disse...

Mariel

ce tem razao: a gente no Brasil nao tem essa tradicao de por num lixo separado os reciclados grandes tal e fica tudo sujo...

os meus pareciam so pegos da loja, entende?

entao voce gosta tambem? o que ja fez ate hoje? me manda fotas!!!

voce encontra lixos legais por ai onde esta?

Somnia Carvalho disse...

Lulu,

entendo o que vc diz sobre os precos... aqui em Malmo tem second hand bem baratinho e tem outros que sao meio de grifes... ou as coisas sao de grifes caras ou sao bem conservadas.. tem uns que sai mais caro que comprar algo numa loja tipo H & M, por exemplo..

o Renato diz que essa tendencia e forte... muito forte pro futuro... cobrar caro por algo usado e as pessoas vao querer isso porque isso provara sua preocupacao com o planeta... e tera cada vez mais importancia a historia do movel!!

bem que vc podia transformar algo e me mostrar... eu acho que vc tem maior jeitao pra isso

Somnia Carvalho disse...

Xuxu,

então essa sua amiga meio complicada nao e nao?

ela pegou a cadeira e nao terminou? que pessoa procrastinadora querida mulhe!

hehe...

baby, agora falando serio: sou maluca mesmo... penso todo santo dia todo santo dia mesmo na sua cadeira maravilhosa...

acabei com as tintas que estavam aqui e preciso voltar a panduro acredita? eu refiz tantas vezes e nao gostei do verde que acabou.. haha...

eu tambem tenho meu lado perfeccionista terrivel..

o dia que eu lhe entregar a cadeira poderei usar aquelas fotos lindas que vc tirou para fazer um post e vc nem vai mais querer a sua cadeirinha! hehe... mas ainda faco para voce repousar nela na sua velhice...

Somnia Carvalho disse...

Dri querida,

eu tambem acho e depois da sua ideia eu decidi rebatizar o Aristodemo e ele agora se chama:

PLATONICUS...

isso quer dizer que ele superou Aristodemo e e de uma geração posterior...

que se acha?

Somnia Carvalho disse...

Marilena,

eu vejo em filme americano esse negocio das garagens e babo... fico sempre pensando que eu pegaria todo o lixo dos meus vizinhos! hehe...

adoro!

como voce o primeiro presente que comprei pro angelo na suecia foi de um second hand e custou tipo 3 reais... tenho ate hoje e amo... um cavalinho...

beijocas

Somnia Carvalho disse...

Catiana,

entao como eu disse ai pro pessoal acho que criatividade pode rolar em diferentes areas pra cada um... mas se vc gostou e tem ai uma coisinha velha que pode ser reformada sem medo vc pode testar minha aulinha e me dizer como foi... haha.. que ce acha?

Lívia Chaves disse...

Hej Somnia! Eu fiz a decoupage 3ªfeira. Pensei que vc não fosse responder e eu sou meio "Ogumniada" como diz o povo aqui na Bahia!!! :) Estava super ansiosa para por em prática meus dons artísticos... hahaha. Mas pelo resultado, acho que não tenho mto o dom nem pra isso! Hihihi. Ficou assim, digamos que, mais ou menos. O problema foi que ficou cheio de ondinhas de ar, sabe? Fiz tudo como vc descreveu e até li outras inf. na net. Pressionei ao colar, passava a régua para tirar o ar, mas não adiantou, não sei porque. Será que eu tinha que lixar o móvel??? :?
Bom, de qualquer forma ainda sim ficou melhor do que estava. A única coisa que estragou mesmo foi a superfície não ter ficado lisinha, só isso. Queria tentar fazer o mesmo na minha cama, cabeceira, que é de mogno, mas tô com medo agora de acontecer o mesmo. O que vc faz para o papel não ficar assim? Ah, usei cola branca líquida não em bastão. Segue o link onde estão as fotos pra vc conferir minha "aaaarte". hahaha. Beijão!
http://picasaweb.google.com.br/liviachaves78/DECOUPAGE?authkey=Gv1sRgCOzU5I_m-Oj6ngE&feat=directlink

Somnia Carvalho disse...

Livia que legal!!! ficou show sim, embora voce tenha dito das bolhinhas eu nao vi na foto! rs...

entao benhe! voce nao seguiu minhas instrucoes! era cola de BASTOOOOM bastao... haha... e ela que nao deixa ficar com ruguinhas, entendeu??

ja pode aplicar na proxima! vou guardar a foto e quando mais leitores mandarem a arte deles publico tudo junto!

beijao

The Best Business Online disse...

regard
know bro
I just joined this blogg
help in teach ya bro
hopefully come back to
My bloggereu vejo em filme americano esse negocio das garagens e babo... fico sempre pensando que eu pegaria todo o lixo dos meus vizinhos! hehe...