21 maio 2008

"Tão longe, tão perto"

Paisagem, Joan Miro, 1927



1. Explicando o sumico e a falta do c cedilha...


Pessoal,

Estou sem computador esses dias todos, por isso o sumico. Cometi um daqueles acidentes caseiros estupidos e queimei a placa do meu apple. Mas, antes que a culpa me consumisse, me lembrei bem de um livro otimo que tenho, "Perdas Necessarias", da Judith Viorst. A gente tem que aceitar e conviver com as pequenas perdas diarias, porque a vida e cheia delas e porque fica mais facil viver e enfrentar as grandes perdas que teremos durante nossa vida toda. Ta funcionando...


Assim que conseguir resolver meu problema da desconexao com o mundo, retorno aos posts, ao skype etc. Esse aqui e emprestado por alguns minutos e, como podem perceber, nem consigo achar acentos nele. Nao que eu nao tenha tentado, pois acho terrivel falta de acentuacao, mas e que e quase impossivel mesmo...

Espero poder falar da Legoland, do Andersem e outras coisas mais, em breve. Por aqui, temperatura muito das boas. Todos os dias nos estiramos no sol para tomar energia e Angelo ja conhece todos os parquinhos de Malmo.



2. Porque eu queria tomar umas caipirinhas com a Tia Dri hoje...




Dri e Re, tomando bebida tipica do natal do povo daqui, em Copenhaguem, dezembro de 2007

Por enquanto, beijos meus, do Angelinho e do Renato e, para nao passar em branco, de jeito nenhum, aqui vai uma poesia para todos voces, em especial, para a minha querida cunhada Brastemp, Dri, que ta fazendo aniversario hoje e nem pode ver o Sr. Angelinho no skype e em quem nem pudemos dar um abraco virtual.



Para voce Drix que e pura dedicacao e carinho,
que sofre a saudade em silencio,
um Fernando Pessoa, um Miro,
um brinde de margueritas do El Kabong,
umas boas horas de conversa na beira da cama,
uns punhados de vestidos e saias lindas da H&M sueca,
e todo amor do mundo..
Beijo, beijo, beijo, Tia Dri.


.......


Como é por dentro outra pessoa?

"Como é por dentro outra pessoa?
Quem é que o saberá sonhar?
A alma de outrem é outro universo
Com que não há comunicação possível
Com que não há verdadeiro entendimento.

Nada sabemos da alma
Senão da nossa
As dos outros são olhares,
São gestos,são palavras,
Com a suposição de qualquer semelhança
No fundo."

(Fernando Pessoa)


2 comentários:

Neusa disse...

Oi Somnia,

Lindas Imagens. Lindo blog.

Desculpe a invasão, sou brasileira e vou para a Suécia estudar nos próximos meses (Uppsala). Gostaria de estabelecer contatos com brasileiros que vivem ai. Você se importaria de trocarmos algum e-mail...Eu ficaria muito agradecida.
meu mail (neusasteiner@yahoo.com.br).

Agradeço,

Abraços,

Neusa

Tia Dri disse...

O dia do meu aniversário foi muito especial mesmo.

Recebi tanto carinho dos amigos, de pessoas q nem conheço direito e me senti muito feliz! Foi um dia iluminado.

Mas em cada momento bom, em cada gole de caipirinha, em cada risada e na garfada do delicioso bolo da minha mãe, eu sabia q tudo aquilo só não era perfeito porque faltavam vcs!

Mas mesmo tão longe, sinto vc, o Rê e o Angelinho bem perto.

Obrigada pelo texto,

Tia Dri, cheia de saudade...