02 outubro 2012

A pior ferida da corrupção é a desesperança

("Sem esperança")

Há poucos dias da eleição para prefeitos e vereadores do país e o que vejo, ao debater com alunos e amigos sobre este momento, é uma total falta de esperança.

Esta é a pior ferida que homens e mulheres no poder podem deixar em seu povo. O dinheiro desviado serviria para o investimento em educação, transporte, cultura etc e poderia melhorar a vida de tantos milhões de brasileiros e brasileiras que nem mesmo se lembram de ter esses direitos garantidos, isso por si só já é triste e revoltante.

Entretanto, noto como, para além da perda material que a corrupção significa está a perda do sentido da política, como bem afirma Hanna Arendt. A pergunta acaba sendo não quem eleger mas para quê eleger. Para quê se as mãos depois serão lavadas no mesmo poço sujo.

A corrupção desencoraja. Ela é um vício. Ela contagia.

Ela serve tanto para o descrédito quanto para o incentivo de atitudes iguais. Ela obscurece a possibilidade da ética, do bem comum, do homem como ser bom e com capacidade de deixar a si mesmo para o bem comum. E é isso, é justamente isso que eu não perdoo nos políticos corruptos do Brasil.

Ainda que caia sobre nós também a culpa de tê-los escolhido para nos representarem, eles são culpados por nos fazer acreditar que de fato nos representaria. São culpados por tirar de seu povo o desejo de progredir como humanidade. São culpados por tirar deles a esperança de ter um país governado por gente honesta e gente para quem a política seja mais do que uso do poder para o benefício próprio.

Eles são culpados!


2 comentários:

Luzia Henrique disse...

Sim, são culpados, penso que promessas deveriam ser julgadas no fim de cada mandato. Fazerem um ranking de feitos de desfeitos.

Mas o que mais me envergonha é a qualidade dos políticos, que já fazendo grande referências são uns palhaços e nos fazem assim também.

A função governamental vira uma piada.

Mas, pelo menos, penso que o julgamento do mensalão significa alguma coisa, mesmo que demore outros anos para que algo do tipo aconteça novamente.

Agora o mundo olha para o Brasil, "super potência".

Abraços

Beth/Lilás disse...

Sim, Borboleta, são culpados e deixam a gente assim, desesperançados.
Esta é a primeira vez que não darei meu voto a ninguém, cansei, me enojei, não acredito em ninguém e acho que até o melhorzinho, quando chegar lá se corromperá. Não tem jeito é o sistema falido.

Amiga, coloquei um post que ficará apenas mais um dia e na verdade é um convite para participar de uma brincadeira no dia das crianças. Envie uma foto sua quando criança para participar da brincadeira. O email está lá no post, confira, ok.
Aguardo a tua fotinha, pode ser em preto e branco, inclusive, ok.
beijocas cariocas